Os novos modelos de retargeting

Há 7 modelos de retargeting disponíveis. Se realizada com inteligência, esta estratégia será muito eficiente para impactar novamente o público-alvo.

navegg-os-novos-modelos-de-retargeting

Retargeting significa mirar novamente um alvo que já foi apontado. Dentro da realidade de marketing, significa impactar novamente o público-alvo. Os diferentes modelos dessa estratégia vem sendo utilizados amplamente pelas marcas para entrar em contato novamente com aqueles consumidores que já estiveram em contato com a marca anteriormente. Por exemplo, já visitaram o site, visualizaram o detalhe de um produto, abandonaram o carrinho, clicaram num banner ou viram um vídeo.

A tecnologia marca o usuário por meio de cookies no navegador. Isto permite que esse navegador seja reconhecido futuramente, quando estiver em um site diferente. Os usuários marcados segundo o mesmo critério – visita a uma determinada página, determinado tempo de visualização de um vídeo, clique num certo banner, por exemplo -, formam uma lista de retargeting.

 

7 tipos de retargeting

Com o tempo surgiram vários modelos da estratégia. Vamos citá-los:

1 – Search Retargeting

É aquele realizado com base em pesquisas do internauta em buscadores (Google e Bing, por exemplo). Pode ser que ele tenha pesquisado palavras-chave que são relevantes para o seu negócio e pode ser que ele tenha pesquisado pelo seu site. Pode ser, também, que ele já conheça o seu site ou que seja o primeiro contato.

 

2 – Site Retargeting

É aquele realizado com pessoas que visitaram o seu site. Eles serão marcados com um cookie e, após saírem, serão impactados por outras ações de marketing. Um banner noutro site, por exemplo. Ao selecionar esta opção, tenha cuidado para criar listas de remarketing apenas com  clientes que realmente fazem sentido. Do contrário, sua ação será invasiva e irrelevante. Por exemplo, se você tem um e-commerce será que faz sentido impactar novamente  todos os visitantes de todas as páginas do site com um banner oferencendo  um desconto especial ou vale mais a pena escolher somente os que abandonaram um carrinho de compra? Além disso, será que vale a pena enviar a mesma mensagem para todos ou personalizar de acordo com os seus perfis?

3 – SEO/SEM Retargeting

É aquele realizado quando uma pessoa chega em seu site pois foi redirecionada de outro. Neste caso, o que é levado em conta são as palavras-chave utilizadas para realizar a pesquisa que o levou ao seu site.

 

 

4 – E-mail Retargeting

É aquele utilizado para impactar mais uma vez aquelas pessoas que tiveram algum tipo de interação com um e-mail marketing ou com uma newsletter da sua empresa. Por exemplo, clicaram, abriram, leram até o fim, encaminharam e etc.

 

5 – Contextual Retargeting

Trata-se de uma troca de audiências entre sites parceiros. Imaginemos que, em comemoração ao outubro rosa, uma empresa de cosméticos cria uma lista de remarketing da parcela de audiência de uma empresa de roupas que comprou, recentemente, blusas rosas para oferecer a ela um desconto na compra de uma maquiagem da mesma cor.

6 – Engagement Retargeting

O tipo mais raro é feito da seguinte forma: as empresas que possuem canais de engajamento, como vídeos, rich media ou flash games, realizam um segundo impacto de marketing para aqueles internautas que executaram certas ações.

 

7 – Social Retargeting

É aquele utilizado para impactar mais uma vez aquelas pessoas que tiveram algum tipo de interação com uma postagem – patrocinada ou não – nas redes sociais.

 

8 – Ad Retargeting

É parecido com o social. No entanto, trata-se de pessoas que interagiram com uma campanha de mídia online.

 

9 – Video Retargeting

É aquele utilizado para impactar mais uma vez aqueles internautas que assistiram ou curtiram um vídeo.

 

Como executar a sua campanha de retargeting

Para colocar esta estratégia em prática, você precisa cumprir alguns passos:

 

1 – Definir a audiência que será impactada.navegg-lookalike-publico-semelhante-novos-resultados

Aqueles que leram um e-marketing, aqueles que clicaram num banner, aqueles que visitaram uma categoria de produtos ou aqueles que chegaram no seu site por meio da busca orgânica?

 

2 – Marcá-los

Tudo depende de onde está a audiência que você quer utilizar. Por exemplo:

Tipo de retargeting Método de coleta
Search retargeting URL
Site retargeting URL/ Script tag
SEO/SEM Retargeting URL
E-mail Retargeting Pixel tag
Contextual Retargeting Script tag
Engagement Retargeting Pixel tag
Social Retargeting Campanhas
Ad Retargeting Campanhas
Video Retargeting Pixel tag
Além disso, ainda é possível marcar um perfil de internautas que visitam o seu site para impactá-los novamente Segmentos de perfil (demográficos, interesses, intenção de compra, entre outros.) 

3 – Montar o anúncio

Prepare o criativo perfeito para eles, com a melhor abordagem e o melhor layout.

4 – Rodar a campanha

Para rodar a campanha, você precisará utilizar um dos métodos de ativação possíveis. São eles: DSP, API Javascript e integração direta com o portal onde a campanha rodará. Para escolher o melhor método de ativação, tenha em mente onde a campanha impactará novamente o internauta.

Se você vai impactar novamente essa audiência em… … você usará o método de ativação…
mídia programática DSP.
e-mkt integração com a ferramenta de e-mkt utilizada por meio de API Javascript.
mídia em portais Publishers.

 

 

5 – Medirfita-metrica-perimetria

Como tudo no marketing, é importante de medir. Para isso, conte com uma ferramenta de atribuição. Conheça a solução gratuita da Navegg que possui esta ferramenta.

 

 

 

O DMP da Navegg realiza todas as etapas mencionadas: escolha da audiência, marcá-la e disponibilizá-la para ativação de forma prática e rápida pois possui integração com os maiores publishers e plataformas programáticas. Além da ferramenta de atribuição. Se você trabalha num publisher ou numa plataforma programática, entre em contato conosco para estar conectado com para as agências e marcas que utilizam o DMP da Navegg e para oferecer retargeting a eles.

Leia também

8 tendências para 2017

A Navegg fez um estudo e apresenta as 8 tendências para 2017 e o marketing digital.

Navegg lança 55 novos segmentos de Moda e Beleza, Viagem e Turismo e Veículos

Confira os novos segmentos da Navegg já disponíveis para ativação.

6 dicas para aplicar o modelo de atribuição

Como aplicar o modelo de atribuição, entender a jornada de compra do consumidor de forma holística e otimizar investimentos.