Inserção da SDK em seu aplicativo

A integração com a tecnologia Navegg é simples e acontece por meio da inserção da SDK no aplicativo.

A integração com a tecnologia Navegg é simples e acontece por meio da inserção da SDK no aplicativo. É extremamente aconselhável que um profissional com conhecimento em programação participe desta etapa. Seguem abaixo os passos para a implementação da SDK.

Versão atual: 1.1.7

1. Adicionando ao seu projeto

A SDK Android está disponível via JitPack.io nos formatos gradle/maven. Documentação oficial jitpack.io

Gradle

Adicione o repositório no arquivo build.gradle.

allprojects {
    repositories {
       ...
       maven { url 'https://jitpack.io' }
    }
}

Adicione a SDK como dependência do seu projeto.

   
dependencies {
   implementation 'com.github.Navegg:navegg-android:1.1.7'
}

Maven

Adicione o repositório

<repositories>
    <repository>
        <id>jitpack.io</id>
        <url>https://jitpack.io</url>
    </repository>
</repositories>

Adicione a dependência.

<dependency>
    <groupId>com.github.Navegg</groupId>
    <artifactId>navegg-android</artifactId>
    <version>1.1.7</version>
</dependency>

Direto no Android Studio


2. Insira as permissões no AndroidManifest.xml

<uses-permission android:name="android.permission.INTERNET"/>
<uses-permission android:name="android.permission.ACCESS_NETWORK_STATE"/>
<uses-permission android:name="android.permission.BLUETOOTH"/>

3. Adicione a biblioteca da Navegg ao seu projeto

Após a importação, declare a API NaveggApi e instancie new NaveggApi com dois parâmetros: NaveggApi(Context, ID).

Conteúdo bloqueado

Você precisa fazer login para visualizar esse conteúdo.


4. Adicione o código para rastrear os eventos.

naveggAPI.setTrackPage("MainActivity");

O evento para rastrear a Activity ou o Fragment deverá ser declarado dentro da onCreate() ou do onResume().

A diferença entre declarar na onCreate() ou no onResume() é:

onCreate – O usuário será rastreado uma única vez na Activity quando acessar a tela. Ele será rastreado novamente quando a Activity chamar o onDestroy e o usuário entrar na Activity.

onResume – Neste caso, se o usuário entrar na Activity primária e, logo após, entrar numa Activity secundária e voltar para a Activity primária, o usuário será rastreado duas vezes: no primeiro acesso a Activity primária e no retorno a Activity secundária.

 

5. Adicione o código para coletar os dados do usuário.

naveggAPI.getSegments("#Critério");

O evento para coletar os segmentos poderá ser declarado dentro da onCreate() ou do onResume().

O nome dos critérios dos segmentos utilizados para ser passado por parâmetro:

“gender”, “age”, “education”, “marital”, “income”, “city”, “region”, “country”, “connection”, “brand”, “product”, “interest”, “career”, “custom”, “everybuyer”, “everyone”

O retorno desse método é uma String “123”;

 

6. Adicione o código para determinar um segmento personalizado:

naveggAPI.setCustom("#IDCustom");

Esses segmentos são previamente criados no DMP Navegg. Após isso é possível marcar o usuário no Segmento Personalizado, como no código acima.

 

7.Adicione o código para determinar OnBoarding:

naveggApi.setOnBoarding("#param","#value");

Onboarding permite criar um relacionamento no banco de dados que sincroniza entre 1st Party Keys e 3rd Party Keys.

Parâmetro “param” valores:

prtusride – Email
prtusridc – Personal ID 1 (e.g. SSN);
prtusridr – Personal ID 2 (e.g. DMV);
prtusridt – Phone number;
prtusridf – User’s 1st party ID key;

Além disso, é necessário converter o parâmetro “value” para HASH. Por exemplo:

naveggAPI.setOnBoarding("prtusride","075d8cd74e0c6b1bf77e0a16c93fcdb7e5e37372");